Apple adiciona regra sobre apps que usam Bitcoin ‘de acordo com a lei’


A Apple, enfim, se posicionou sobre aplicativos de Bitcoin em sua loja virtual após o último WWDC. Não foi um comunicado direto, mas uma regra adicionada a seu regulamento de aprovação para a inscrição de novos aplicativos na App Store trata da moeda virtual indiretamente. Embora a fabricante do iPhone tenha voltado a tocar no assunto, pelo visto, não haverá liberação de apps relacionados a transações online de bitcoins, como carteiras digitais, tão cedo. Apenas quando estiverem “de acordo com a lei”.

O texto não fala especificamente do Bitcoin em si, mas diz que qualquer aplicativo que utilize moedas virtuais deverá estar de acordo com as leis federais dos países onde irá ser disponibilizado.

“Apps podem facilitar a transferência de moedas virtuais aprovadas desde que o façam de acordo com as leis federais e estaduais dos territórios onde serão utilizados”, revela esta nova regra do documento para desenvolvedores.

O posicionamento se dá após, no ano passado, a Apple começar a remover aplicativos de carteira de Bitcoin da App Store sem muitas justificativas e deixar alguns usuários chateados.

Agora, com a nova regra a empresa deixa bem claro que só aceitará moedas virtuais que forem legalizadas. Como não é o caso do Bitcoin na maioria dos países, os apps devem continuar banidos.

Leia também  Japão aprova regulamentação do bitcoin como mercadoria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×