Santander e JP Morgan Anunciam Corporação Baseada no Ethereum 


etheriun

Uma nova e pioneira tecnologia baseada em blockchain pode revolucionar a maneira como conhecemos os aplicativos atuais, esta nova tecnologia tem nome e se chama “ETHEREUM”.

Antes de você saber tudo o que está sendo feito para que esta nova tecnologia chegue até você, vamos saber um pouco mais do Ethereum.

O que é a tecnologia Ethereum?

Ethereum é uma   plataforma descentralizada que executa contratos inteligentes, isso mesmo, aplicativos que funcionam exatamente como programado sem qualquer possibilidade de tempo de inatividade, censura, fraude ou interferência de terceiros.

Esses   aplicativos são executados em um blockchain construído de maneira personalizada, e com uma infraestrutura global compartilhada e que pode transferir valores. Isso permite que os desenvolvedores criem mercados, armazenem registros de dívidas ou promessas, movam fundos de acordo com instruções dadas há muito tempo no passado (como uma herança) e muitas outras coisas que ainda não foram inventadas, tudo isso sem interferência humana, sendo assim a prova de fraude!

 

A Corporação Baseada no Ethereum

Uma nova iniciativa para uso empresarial que logo será lançada, tem como base o protocolo ethereum. Alguns detalhes já surgiram como por exemplo o nome das empresas envolvidas.

Empresas Envolvidas – Instituições financeiras, gigantes da tecnologia e empresas de recursos naturais fazem parte desta nova corporação. Fontes revelam que empresas como JP Morgan, CME Group, BNY Mellon, Banco SantanderMicrosoft, Red Hat, Cisco, Wipro e British Petroleum estão entre elas.

As startups blockchain, BlockApps, Brainbot Technologies, ConsenSys, Nuco e Tendermint – bem como a Ethereum Foundation, também fazem parte deste novo projeto.

Algumas dessas empresas já possuem experiência pois já trabalharam com ethereum, como o JPMorgan e Microsoft, que já desenvolveu alguns projetos usando a tecnologia Ethereum.

Interesses – A iniciativa é talvez a mais significativa até o momento em relação a interesse empresarial e da escala de desenvolvimento que está sendo discutida. Ele também sinaliza um aprofundamento do interesse entre as empresas financeiras na plataforma Ethereum, embora uma parte esteja focada em implementações que são separadas, mas compatíveis com a rede pública do Ethereum.

James Moreau disse com tom otimista “Haverá um anúncio no futuro próximo”.

Enquanto o projeto se desenvolve os apoiadores da Ethereum já planejam criar uma entidade sem fins lucrativos.

A iniciativa do Santander

Atualmente o banco Santander tem como principal objetivo encontrar  por meio de seu programa ( The Code Force),  desenvolvedores com mentes criativas através de um Hackathon.

O projeto espera que seus colaboradores desenvolvam soluções para o mercado financeiro através de criptomoedas, soluções com base no Protocolo do Ethereum, Bitcoin e Ripple.

Enterprise Ethereum será baseado em um modelo de associação, incorporando grupos de trabalho focados em governança, desenvolvimento técnico e colaboração da indústria.

Leia também  Bitcoin pode subir aproximadamente 165% e superar os US$2 mil em 2017. Saiba o por quê!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

×